sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Meu Tio o Jaguar

21 OUTUBRO - 18 DEZEMBRO
SEXTAS & SÁBADOS - 21H30 - DOMINGOS - 19H30
 ________________________

Meu Tio o Jaguar

Guimarães Rosa (autoria) | Jorge Listopad (encenação) | José Artur Pestana(interpretação)

DURAÇÃO APROX. 1H45 - MAIORES 12 ANOS

RESERVAS 213 259 992
BILHETES NORMAL 12€* | ESTUDANTE, +65, -30 - 6€*

* * * * *
Pela primeira vez em Portugal na cena teatral, um texto completamente fora dos códigos estabelecidos – Meu Tio o Iauaretê / Meu Tio o Jaguar – de umdos maiores escritores brasileiros do século XX, João Guimarães Rosa.

Mas também fora de Portugal, excepto no Brasil, esta prosa, este conto dramático, nunca foi realizado como peça teatral mas, apenas radiofonicamente. Assim, de certo modo, trata-se de uma estreia mundial.

Constituído por um monólogo a duas vozes, com muitos presentes e ausentes, de um caçador de onças-jaguar que, numa metamorfose quase feita diante dos olhos dos espectadores, se transforma, pela solidão, melancolia aguda e alegria quase grotesca, em jaguar, o seu bicho mais amado antes de ser caçado.

Estamos perto de uma emoção algures em zonas obscuras, entre animalidade e humanidade, o nascimento de um novo sentimento; mas também não estamos longe das grandes obras épicas do autor de Grande Sertão, Veredas, aqui ainda mais fascinante pela utilização de uma nova linguagem, uma osmose do português do Brasil e de tupi, de neologismos, de gritos e de sons. Um encantamento lúcido.

Será e é um teatro diferente e raramente visto! Um mysterium!

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Ciclo de Conferências Olh'a Revolução


3.11 - A Revolução o que é? - Jorge Costa & José Soeiro

10.11 - ...e quem a há-de fazer? Que sujeito para a Revolução? - Bruno Peixe & Andrea Peniche

17.11 - Que partidos e/ou que momentos para a luta emancipatória? - Ana Drago & Joana  Mortágoa

24.11 - O Estado e a Revolução. Como é que isto se (des)combina? - Carlos Carujo & Miguel Cardina

Grotescos e Paisesgens


GROTESCOS E PAISAGENS 
de
 Manuel Vieira

26 de Outubro - 20 de Novembro

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

PROGRAMA 2.ª QUINZENA DE OUTUBRO
 &
 1.º QUINZENA DE NOVEMBRO

PEÇA DE TEATRO

MEU TIO O JAGUAR

21 Outubro - 18 Dezembro

Sextas & Sábados - 21h30 - Domingos - 19h30

João Guimarães Rosa (autoria) | Jorge Listopad (encenação)

José Artur Pestana (interpretação)

duração aprox. 1h45 - maiores 12 anos

Reservas 213 259 992 | bilhetes normal 12€ | estudante, +65, -30 -6€

* * *
Cadernos de Viagem – Michel

Todos os Domingos às 17h

ENTRADA LIVRE

* * *
23 de Outubro – Domingo – 17h
Concerto de Guitarra por Cipriano Mesquita + Laia - Cipriano Mesquita parte de exercícios de guitarra portuguesa para descobrir abordagens novas às capacidades do instrumento tradicional. Alguém escrevia que os instrumentos tradicionais servem para o que se quiser que sirvam. Cipriano Mesquita levou à letra.

26 de Outubro – Quarta-Feira 
21h30 - Inauguração da Exposição de Desenho Grotesco e Paisagens, de Manuel Vieira


28 de Outubro – Sexta-Feira
19h – Curso Pensamento Crítico Contemporâneo, por Vítor Oliveira Jorge – Pós-estruturalismo: Michel Foucault

29 de Outubro – Sábado 
23h30 – Concerto de Thollem McDonnas (piano), João Pedro Viegas (clarinetes baixo e soprano), Ulrich Mitzlaff (violoncelo), Paulo Curado (flauta e saxofones soprano e alto) e Carlos Zíngaro (violino).

3 de Novembro – Terça-Feira
21h30 - Tertúlias de Outono Portugal, o Euro e a Europa , por Paulo Trigo Pereira

4 de Novembro – Sexta-Feira  – 19h
Curso Pensamento Crítico Contemporâneo, por Vítor Oliveira Jorge – Pós-estruturalismo: Jacques Derrida

8 de Novembro – Terça-Feira - 21h30
Tertúlia Cultural Politeia - "Os Templários: das origens à queda", com Felício Correia

9 de Novembro  – Quarta-Feira
19h – Apresentação do livro Três Anos em Nodar - Práticas Artísticas em Contexto Específico no Portugal Rural, edição Nodar.

10 de Novembro – Quinta-Feira 
18h30 –  Lançamento do livro Brasiliana Tangencial, de Henrique Garcia Pereira, ed. IST Press, apresentado por Nicolau Santos.

11 de Novembro – OPEN DAY (em actualização)

18h - Programa Engraxadores Tradição, org. SCML
18h30 - Inauguração Exposição Esculturas Suspensas de Miguel Figueiredo

19h – Curso Pensamento Crítico Contemporâneo, por Vítor Oliveira Jorge – Feminismo: Judith Butler

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Guerreiro Verde - 20 de Outubro - 18h30


(clique na imagem para ampliar)

Lançamento do livro Guerreiro Verde - Manuel Pinto um português ao serviço da Greenpeace, de Filipe Garcia.

Manuel Pinto nasceu no Porto, cresceu no Luxemburgo e cedo descobriu o gosto pelas viagens. Tornou-se punk, trabalhou em fábricas e em armazéns de armamento, mas foi quando entrou na Greenpeace que a vida mudou. Começou por ajudar na manutenção dos barcos da organização e chegou a responsável internacional pela coordenação da frota. Foi agredido e preso, esteve nos protestos contra os ensaios nucleares em Muroroa, combateu os alimentos transgénicos em Lisboa e passou três anos entre índios e perigosos madeireiros na selva amazónica. Hoje, da sede em Amesterdão, acompanha à distância todos os protestos da maior organização ecologista do mundo. Uma vida em português na defesa da terra.

ENTRADA LIVRE

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

PrivateZ(oo)m - Tempo de Bichos - 14 de Out. - 22h


Este projecto surgiu da necessidade de documentar a poluição urbana e dar um seguimento estético e contextualizado em paralelo com os bichos na poesia de Arménio Vieira – poeta Caboverdiano, que foi distinguido com o prémio Camões em 2009.

Esta sessão denominada pelo autor de videophonémica por combinar o vídeo, as sonoridades e a palavra, terá cerca de 30 m de duração. Será composta por 15 poemas da autoria do poeta Arménio Vieira, 8 mantras sonoros e 450 imagens de um zoo imaginário.

ENTRADA LIVRE

Cipriano Mesquita - 24 de Outubro - 17h


São sons de guitarra portuguesa. São pedaços de Paredes. São tons de praias cor de barro. São as outras vozes de Marceneiros. São as músicas que provavelmente ouviu naquele dia. São Alfama em 2011.

Cipriano Mesquita parte de exercícios de guitarra portuguesa para descobrir abordagens novas às capacidades do instrumento tradicional. Alguém escrevia que os instrumentos tradicionais servem para o que se quiser que sirvam. Cipriano Mesquita levou à letra. Ouvidos mais atentos escutaram e o resultado apareceu no NOVOS TALENTOS FNAC 2011 (com a música Vertigem).

ENTRADA LIVRE

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Programação - Outubro

1 a 23 de Outubro
Exposição de fotografia e instalação vídeo: “transiberiano-transmongoliano”, de Henrique Real

26 de Outubro a 21 de Novembro
Exposição de desenho a tinta da china, de Manuel João Vieira

6ªs a Domingos
Exposição de objectos cinemáticos “A máquina do tempo”, apresentados por Pietro das 17H30 às 21H00
Peça de teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação).
Monólogo a duas vozes de um caçador de onças-jaguar que, numa metamorfose quase feita em frente dos espectadores, se transforma num jaguar

Domingos
“Feira na Fábrica”: livros, velharias, flores, música, gastronomia, aos domingos de Outubro, das 12H00 às 19H00
17H00 – Concertos “Cadernos de Viagens”, com Michel e convidados

1 de Outubro - Sábado
18H00 – Tertúlia “Quatro Estações”, org. Granular: “Políticas e estratégias - perspectivas sobre uma actualidade em crise” (transversalidade de géneros musicais ou não-idiomatismo?)
18H00 – Lançamento livro “Fé nos Burros”, de João Pedro Marnoto, edição de CM de Alfândega da Fé
22h30 – Concerto “Quatro Estações”, org. Granular, com José Tavares (guitarra), Ricardo Freitas (guitarra baixo) e António Pedro (bateria)

4 de Outubro – 3ª Feira
21H00 – Jantar/Tertúlias de Outono, Dobrando o Tempo, Dobrando Uma Esquina - “Economia Solidária: a Emergência de Uma Alternativa” com João Wengorovius Meneses e Paulo Trigo Pereira

6 e 7 de Outubro – 5ª e 6ª Feira
18H00 – Ensaios da peça “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar, de Jorge Listopad

8 de Outubro - Sábado
21H30 – Concerto, com Rui Calapez (piano),  Aurélie Dorzée (violino) e Jean Cristophe (piano) – (A Confirmar)

9 de Outubro – Domingo
12H00 às 19H00 – Feira na Fábrica
17H00 – Concerto “Cadernos de Viagem”, com Michel e convidados

11 de Outubro – 3ª Feira
18H00 – Lançamento de livro, edição Coisas de Ler (data a confirmar)

12 de Outubro – 4ª Feira
21H00 – Lançamento de Livro "Os Vivos e os Mortos", de Júlia Lello, edição da autora

14 de Outubro – 6ª Feira
18H30 – Debate - "Mundo Rural: o regresso ao futuro", em torno do livro "Entre as Cidades e a Serra", com Armando Sevinate Pinto, João Ferrão, José Reis e João Seixas
22H00 – Videophonema “Private Z(oo)m - Tempo de Bichos”, - expressão pluri-media composta por sessão videográfica, paisagens sonoras e leituras de textos do poeta Arménio Vieira, por Mito Elias

16 de Outubro – Domingo
12H00 às 19H00 – Feira na Fábrica
17H00 – Concerto “Cadernos de Viagem”, com Michel e convidados

21 de Outubro – 6ª Feira
19H00 – Curso "Pensamento Crítico Contemporâneo", por Vítor Oliveira Jorge, org. TerraFirme
21H30 – Estreia da Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação).

22 de Outubro – Sábado
21H30 – Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação). Em cena às 6ªs e Sábados (21H30) e Domingos (19H30)

23 de Outubro – Domingo
12H00 às 19H00 – Feira na Fábrica
17H00 – Concerto “Cadernos de Viagem”, com Michel e convidados
17H00 – Concerto Guitarra Portuguesa e Viola, com Cipriano Mesquita e Laia (Alexandre Bernardo)
19H00 – Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação). Em cena às 6ªs e Sábados (21H30) e Domingos (19H30)28 de Outubro – 6ª Feira

26 de Outubro – 4ª Feira
18H30 - O Rural Plural - Olhar o Presente, Imagina o Futuro, edição 100 Luz. A obra será apresentada por Elisabete Figueiredo e Fernando Oliveira Baptista
21H30 – Inauguração da Exposição de Desenho, a tinta-da-china, de Manuel João Vieira


27 de Outubro – 5ª Feira
19H00 – Lançamento de livro "Já Uma Flor se Levanta", de Helena Pato, edição Editorial Tágide

28 de Outubro – 6ª Feira
19H00 – Curso "Pensamento Crítico Contemporâneo", por Vítor Oliveira Jorge, org. TerraFirme
21H30 – Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação).

29 de Outubro – Sábado
10H00 às 18H00 – Workshop “Eneacoaching”
18H30 - Lançamento do livro "Eneagrama" de Khristian Paterhan C.
21H30 – Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação).

30 de Outubro – Domingo
10H00 às 18H00 – Workshop “Eneacoaching”
12H00 às 19H00 – Feira na Fábrica
17H00 – Concerto “Cadernos de Viagem”, com Michel e convidados
19H00 – Peça de Teatro “Meu tio o Iauaretê/meu tio o Jaguar”, de Guimarães Rosa (autoria) Jorge Listopad (encenação), e José Artur Pestana (interpretação).

31 de Outubro – 2ª Feira
10H00 às 18H00 – Workshop “Eneacoaching” 

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

TOP 5 - Mês de Setembro

LITERATURA

Filho de mil homens, Valter Hugo Mãe (Alfaguara)
Máquina de fazer espanhóis, Valter Hugo Mãe (Alfaguara)
Amante Holandesa, J. Rentes de Carvalho (Quetzal)
Morte Melancólica do Rapaz Ostras & Outras Histórias, Tim Burton (Antígona)
O Museu da Rendição Incondicional, Dubravka Ugresic (Cavalo de Ferro)

LITERATURA INFANTIL

Animalário Universal do Professor Revillod, - (Orfeu Mini)
Um, Dois, Três Maltês, Nadia Bude (A Cobra Laranja)
O Principezinho, Antoine de Saint-Exupéry (Presença)
Esta é a tua história, Annelore Parot (Presença)
Caderno de pintura para aprender as cores, Pascale Estellon (Orfeu Mini)

NÃO-FICÇÃO

. 2780 - Taberna, AAVV (Bertrand)
Portugal, Povo de Suicidas, Miguel de Unamuno (Abismo)
. Da China, Henry Kissinger (Quetzal)
Diamantes de Sangue, Rafael Marques (Tinta da China)
Manual dos Crimes Urbanísticos, Luís F. Rodrigues (Esfera dos Livros)